Blog do JJP - Notícias Populares do Maranhão

Retrospectiva – Sistemas de Abastecimento de Água beneficiaram mais de duas mil famílias em 2020

Mais de duas mil famílias maranhenses foram beneficiadas com água potável e encanada em 2020. A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes) construiu 24 Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água (SSAA) em todo o Maranhão, por meio do Programa Água Para Todos, que contempla principalmente as comunidades rurais e põe fim ao penoso sacrifício da população de carregar água por longas distâncias.

Os sistemas simplificados implantados pelo Governo do Estado incluem poço artesiano, reservatório de água com estrutura de concreto, caixa d’água, redes de distribuição principal e secundárias, além de ligações domiciliares.

De acordo com o secretário da Sedes, Márcio Honaiser, os poços foram grandes aliados no combate a pandemia no novo coronavírus (Covid-19), já que a disponibilidade de água potável é fundamental para garantir uma boa saúde, principalmente para as famílias em situação de vulnerabilidade social. “Temos como prioridade proporcionar qualidade de vida a quem mais precisa. Ter água em casa é um direito mínimo que, mesmo com a pandemia e com a recessão econômica que atravessamos, não medimos esforços e garantimos a mais de duas mil famílias”, disse o secretário.

Dentre os municípios contemplados estão Bacabal, Balsas, Brejo de Areia, Fortaleza dos Nogueiras, Gonçalves Dias, Imperatriz, Itinga, João Lisboa, Loreto, Porto Franco, Riachão, Ribamar Fiquene, São Domingos do Maranhão, São Francisco do Brejão, São José dos Basílios, São Luís, São Raimundo das Mangabeiras, Sítio Novo, Tasso Fragoso e Viana.

O Água para Todos é um programa implantado pelo Governo do Estado para sanar o sofrimento de uma população que há décadas sofre com a falta de água em casa, promovendo melhor qualidade de vida por meio do abastecimento de água potável para atividades domésticas e para a pequena produção agrícola, resgatando a cidadania e gerando renda, além de solucionar casos de doenças de veiculação hídrica, como forma de reduzir a mortalidade infantil.

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*